Follow by Email

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

"BRUXO PREVÊ MELHORA DE LULA, PIORA DE HUGO CHAVES E RUÍNA DE BARACK OBAMA"


Bruxo mexicano prevê cura de Lula e piora de Chávez
03 de janeiro de 2012  21h50  atualizado às 22h10


O Maior Bruxo do México convocou a imprensa para suas previsões anuais. Foto: AFP
O "Maior Bruxo" do México convocou a imprensa para suas previsões anuais
Foto: AFP


O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva irá "se livrar" do câncer, enquanto seu colega venezuelano Hugo Chávez deve piorar, disse nesta terça-feira Antonio Vázquez, conhecido como "O Maior Bruxo" do México, em suas previsões de início de ano.
Vázquez assegurou que os diagnósticos de câncer se devem a uma "bruxaria" contra os líderes latino-americanos, sem especificar sua origem, que já afeta quatro presidentes, entre eles Hugo Chávez, que sofrerá uma "recaída terrível" que poderá afastá-lo das eleições em outubro na Venezuela.
"Há dois presidentes latino-americanos que também vão ficar com câncer e isso por trabalhos de 'bruxaria', como aconteceu com os outros", disse na coletiva que convoca anualmente no Clube de Jornalistas, apesar de se recusar a citar os nomes desses líderes.
Ele também prevê que o líder cubano Fidel Castro, cuja saúde é precária, "sobreviverá a 2012 porque a 'santería' está funcionando", e que o presidente americano, Barack Obama, fracassará em sua tentativa de reeleição.
Com sua longa cabeleira presa em um rabo de cavalo e uma barba que cobre parte do peito, Vásquez afirmou que a presidente argentina, Cristina Kirchner, diagnosticada com câncer na tiróide, "seguirá adiante porque seu mal é mínimo, apesar de suas decisões de governo ficarem mais lentas e a Argentina enfrentar problemas econômicos".
Além de Chávez e de Cristina Kirchner, outros dois presidentes latino-americanos tiveram câncer, mas já se curaram: Dilma Rousseff, do Brasil, e Fernando Lugo, do Paraguai. O ex-presidente Lula está superando um câncer na laringe.
O "Maior Bruxo" do México faz esse tipo de previsões no início do ano há mais de duas décadas, e é frequentemente consultado por veículos da imprensa de América Latina e Estados Unidos. Ao iniciar 2011, previu que o euro se enfraqueceria e um retorno da recessão nas economias desenvolvidas, mas afirmou que um importante político latino-americano seria assassinado no primeiro semestre.
Após queixa de dores de garganta, Lula realizou uma série de exames na noite de 28 de outubro. Na manhã do dia seguinte, foi divulgado boletim médico do Hospital Sírio-Libanês, de São Paulo, informando que foi diagnosticado um tumor maligno na laringe, que seria inicialmente tratado por quimioterapia.
O câncer na região da laringe é mais comum entre homens e o de maior incidência na região da cabeça e pescoço. Os principais fatores que potencializam a doença são o tabagismo e o consumo de álcool. Já os sintomas são: dor de garganta, rouquidão, dificuldade de engolir, sensação de "caroço" na garganta e falta de ar.

Postado por;





***FRANCIS DE MELLO***

Nenhum comentário:

Postar um comentário