Follow by Email

sábado, 28 de janeiro de 2012

"INTOXICAÇÃO DE 171 PESSOAS, LEVA RESTAURANTE SER INTERDITADO POR VIGILÂNCIA SANITÁRIA NO RS"



RS: 171 têm intoxicação após lanche; restaurante é interditado.



Vigilância Sanitária de Porto Alegre (RS) recebeu até este sábado 171 notificações de pessoas que apresentaram intoxicação alimentar após refeição na lanchonete Pampa Burger, localizada na avenida Venâncio Aires, no bairro Cidade Baixa. O restaurante foi interditado na última quinta-feira, após fiscais encontrarem 540 kg de produtos de origem animal sem procedência.
De acordo com o coordenador interino da Vigilância Sanitária, Roger Halla, os clientes apresentaram vômito, diarreia e mal-estar. A maioria dos doentes esteve na lanchonete na noite de terça-feira e na quarta-feira.
Ele alerta que, devido ao período de encubação do micro-organismo causador da intoxicação, mais pessoas podem apresentar os sintomas nos próximos dias. Os clientes que passarem mal devem procurar atendimento médico e informar que realizaram refeição no restaurante para que a Vigilância Sanitária seja notificada.
Fiscais que estiveram na lanchonete encontraram carne, ovos, queijo e bacon sem comprovação da procedência. Os alimentos foram recolhidos e amostras foram encaminhadas ao laboratório do Estado. A investigação deve apontar o agente causador e o alimento envolvido com o surto, conforme Halla.
O Pampa Burger tem uma segunda unidade na Cidade Baixa, na rua Lima e Silva, que também foi vistoriada. Segundo Halla, a franquia foi notificada por irregularidades, mas, por serem menos graves que as encontradas na outra loja, o estabelecimento não foi interditado.
Em nota divulgada em sua página no Facebook, o restaurante pediu desculpas aos clientes e negou trabalhar com produtos sem procedência. "O motivo que levou a Vigilância Sanitária a apreender os alimentos foi o fato de estarem condicionadas sem a embalagem original com o selo fiscal", diz o estabelecimento, acrescentando que as notas fiscais dos produtos estão guardadas.



Postado por;







***FRANCIS DE MELLO***

2 comentários:

  1. Prezado Francis, moro nas imediações desse Pampa Burger e estamos lutando contra a fumaça de lenha, da chaminé deste estabelecimento.Já falamos inclusive com os donos do Pampa Burger que estiveram no meu condomínio e fizeram várias promessas e nada!o grande problema ao me ver e alertei o dono do Pampa Burger é a fumaça de lenha verde impregnada nos lanches.Os lanches são defumados com fumaça tóxica, altamente cancerígenas.Mas não me deram ouvidos!-faça um churrasco com carvão e depois faça um exame de sangue para ver a quantidade de toxinas no sangue em função do carvão!-imagine com lenha verde o que poderá aparecer.Cito um exemplo de quatro pessoas que fizeram um churrasco e utilizaram um poste de energia elétrica como lenha.Os quatro morreram porque o poste tinha tratamento anticupim etc...ou seja tinha até arsênico.
    -segundo um médico norte americano ele prefere atirar o filho dele de um abismo do que dar um hamburger com carne moída.Faz sentido!
    -Que Deus proteja nossas crianças destes irresponsáveis vestidos de empresários.

    Gigio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, Realmente o que o amado relata em questão da falta de cuidado dessa gente é brutesca, tendo em vista a utilização da lenha inadequada para o uso de seus petiscos lanches e refeições.
      Como você menciona que teve a promessa por parte dos donos do restaurante, mas, que não tenha passado disso, mas, em meu caso se estivesse em seu lugar já teria tomado providências mais drásticas, já que a fumaça também é tóxica, além dos danos ambientais, há também os danos a saúde publica!

      Excluir