Follow by Email

terça-feira, 15 de novembro de 2011

17º Presidente) "RELEMBRE OS PRESIDENTES DE 122 ANO DE REPÚBLICA"

Getúlio Vargas, (31 de janeiro 1951 a 24 de agosto de 1954)




Getúlio Vargas

Apoiado pelo então governador de São Paulo, Adhemar de Barros, Getúlio venceu as eleições de 1950 como candidato do PTB. Seu governo foi conturbado por controvérsias como o reajuste em 100% do salário mínimo, que lhe fez perder o pouco apoio de que ainda desfrutava entre os militares e motivou a demissão do ministro do Trabalho, João Goulart. Em seu último mandato, além de ter criado o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Getúlio fundou a Petrobras em 3 de outubro de 1953, aniversário da revolução de 1930. Combatido pela imprensa, o presidente foi enfraquecido por reiteradas denúncias de corrupção contra membros do governo. 

Em 5 de agosto de 1954, um major da Força Aérea Brasileira (FAB) é morto a tiros e o jornalista Carlos Lacerda, ferrenho opositor de Getúlio, é ferido no pé. Atribuído a integrantes da guarda pessoal de Getúlio, o suposto atentado gerou uma crise política que se somou às pressões para que o presidente renunciasse. Getúlio Vargas se suicidaria após ser aconselhado por ministros a entregar o cargo. Ele deixou a reunião ministerial, subiu aos seus aposentos no Palácio do Catete e disparou contra o próprio coração, deixando carta manuscrita na qual lamentava “a mentira, a calúnia, as mais torpes invencionices” com que “gratuitos inimigos, numa publicidade dirigida, sistemática e escandalosa” teriam lhe vitimado. 

A comoção popular pela morte do presidente foi tal que acabou adiado o golpe militar previsto para derrubar Getúlio, que passou de vilão a herói, saindo “da vida para entrar na história”, conforme a carta-testamento lida por João Goulart no enterro de Vargas em São Borja (RS).

Curiosidade: Adepto do golfe, Vargas jogava com bolas que tinham seu nome inscrito em vermelho.
Foto: Portal Brasil / Divulgação

Postado por;

***FRANCIS DE MELLO***

Nenhum comentário:

Postar um comentário