Follow by Email

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

"O CASAMENTO CRISTÃO "

O CASAMENTO CRISTÃO 

Se não cuidarmos dos problemas de forma ágil, eles podem piorar e causar grande devastação em um casamento. Apesar de ser normal ter problemas em qualquer casamento, os Cristãos têm como resolvê-los. Encare isso como livrando-se de um vírus antes que ataque nossos corpos. Uma resposta apropriada pode não prevenir esse vírus, mas pode nos ajudar a controlar a tempestade e fortalecer o nosso casamento como resultado. 
No casamento, é importante reconhecer e confirmar os problemas cedo. Aconselhamento conjugal dá atenção a esses problemas e ajuda a resolvê-los. Os problemas mais comuns são comunicação ruim, falta de intimidade e união, falar exigente e irritante ou raiva. 
A raiz de muitos desses problemas é o orgulho. Geralmente acreditamos que podemos resolver nossos próprios problemas. Isso pode ser muito destruidor para um casamento, principalmente quando um cônjuge reconhece a necessidade e o outro não. A Bíblia nos diz que devemos nos examinar (2 Coríntios 13:5). Esse princípio também se aplica aos nossos casamentos, então se há problemas que precisam de resolução, aconselhamento é uma boa opção diante de Deus. 
Quando os cônjuges procuram a Deus e estão abertos a aconselhamento e sabedoria, eles trazem esperança à sua situação e mostram a outras pessoas que Deus pode ajudá-los também.

Eles podem ter problemas em como relacionar-se um com o outro, os quais são um resultado de não saber como interagir, quer seja de forma emocional, intelectual ou física. Outros problemas sérios que podem aparecer são: mentiras, adultério, pornografia, feridas emocionais, condições mentais, etc. Quando não lidamos propriamente com esses problemas, eles representam uma possível ameaça esmagadora ao casamento.

O CASAMENTO CRISTÃO 





1- O CASAMENTO É UMA INSTITUIÇÃO DE DEUS


É a união de duas pessoas, de dois espíritos, com o fim de construírem uma vida em comum, e em amor.

Gênesis 2:18 - "E disse o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só: far-lhe-ei uma adjutora que esteja como diante dele." 

ADJUTORA - Companheira; Colaboradora; uma que ande de braço dado, na mesma direção do marido, colaborando com ele para que o marido vença na vida.

Exemplo Divino - O Espírito Santo é como se fosse a Mãe no lar.

Deus requer da esposa o mesmo trabalho do Espírito Santo, nunca chama a atenção para si próprio, mas trabalha sempre para glorificar Deus o Pai.

Não é o mesmo no casamento?


2- O QUE É

O CASAMENTO

O casamento, é a união de duas pessoas (homem e mulher V uma Vida em Comum, e baseada no Amo
r.

Casamento não é só:

- duas pessoas viverem na mesma

casa;

- terem relações sexuais;

- juntarem-se;

Porquê? Porque muitas vezes, um casal vive junto, na mesma casa, tem relações sexuais, etc, "mas não estão a Construir uma Vida em Comum". Cada um puxa o barco para seu lado. 

Ele só se preocupa com o seu emprego, e ela com o emprego dela. Cada um deles vive independente do outro. Isto é errado!

Casamento, é um homem juntar-se a uma mulher para ambos:

construírem, dia após dia, um Lar em

conjunto;


- ensinarem e educarem os filhos;

- construírem uma casa;

- construírem um futuro.

União é andar lado a lado; caminhando na mesma direção.

Por exemplo: quando aceitamos Jesus, é o mesmo que tomar como seu a "canga" de Jesus - seguindo na mesma direção. O próprio Jesus diz: "o meu jugo é fácil e leve". 

Se Jesus virar para a direita, temos que virar para a direita, porque se virarmos para a esquerda vamos nos magoar, porque o Líder é Jesus, e não nós.

Isto significa que os dois andam lado a lado. Mas, em muitos casamentos o marido quer ir para a frente e o outro quer ir para trás. Ou, um quer ir para a esquerda e o outro empurra para a direita. O resultado é ficarem magoados.

O líder instituído por Deus é o marido. Para o nosso casamento ter as bençãos de Deus temos que seguir o líder que Deus instituiu. 

O casamento não é ter filhos. Os fi-lhos vêm como fruto do casamento. Os filhos não são o casamento.

A mulher casou-se com o marido, não com os filhos. Os filhos são temporários. 

O casamento pode ser a coisa mais maravilhosa deste mundo, mas também pode ser a coisa mais triste, mais amargosa deste mundo. Depende dos dois andarem em união ou não.

3- HIERARQUIA NO CASAMENTO 

Vamos ver o que é que Deus diz - não é o que eu penso; não é o que a minha igreja diz - é o que Deus diz.

Deus só vai abençoar os casais em que ambos queiram obedecer à Palavra de Deus.

Efésios 5:22-25 - "Vós, mulheres, sujeitai-vos aos vossos maridos, como ao Senhor;

Porque o marido é a cabeça da mulher, como, também, Cristo é a cabeça da igreja, sendo ele próprio o salvador do corpo.

De sorte que, assim como a igreja está sujeita a Cristo, assim, também, as mulheres sejam, em tudo, sujeitas aos seus maridos.

Vós, maridos, amai as vossas mulheres, como, também, Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela."

O versículo 24 diz que as mulheres devem ser em tudo, TUDO, sujeitas aos seus maridos.



O versículo 25, apela aos maridos que amem suas esposas, assim como Cristo amou a igreja. 

Deus instituiu hierarquias a todos os níveis. Deus começa por ser o "Grande Deus", o "Todo Poderoso", "Toda a gente tem que dobrar o joelho a Deus".

Deus instituiu o Lar. Deus instituíu que o marido é a cabeça, o chefe, o líder do lar, líder do casal.

A não ser que uma pessoa faça aquilo que a Bíblia diz, o seu casamento não vai funcionar.

A Bíblia diz que o marido é a cabeça da mulher, por isso a mulher tem que se sujeitar ao marido. E não é só em algumas coisas. Mas sim em tudo. E vice-versa, o marido tem que amar a mulher, como a si próprio.

Falando da autoridade do marido sobre a esposa dá a impressão que ele pode pôr o pé em cima do pescoço dela. Nada disso! Se você não tratar a sua esposa como Deus diz, Deus nem sequer responde às suas orações.

I Pedro 3:7 - "Igualmente vós, maridos, coabitai com elas com entendimento, dando honra à mulher, como vaso mais fraco, como sendo vós os seus co-herdeiros da graça da vida, para que não sejam impedidas as vossas orações."

A responsabilidade do homem é bem diferente da da mulher.

Quando Deus fez o homem e a mulher, fê-los diferentes.

O corpo do homem é bem diferente do da mulher, tem órgãos diferentes.

Do mesmo modo, a estrutura emocional de um homem é bem diferente da estrutura emocional de uma mulher.

O homem foi feito para acarretar determinadas cargas, pesos e responsabilidades diferentes da esposa. 

O marido deve assumir as suas responsabilidades financeiras.

Deve assumir as suas responsabilidades religiosas.


4- SUBMISSÃO

A) O que é a verdadeira Submissão Bíblica?

Já acima referimos que o casal deve andar em união - construir um lar, construir o casamento. O casamento não acontece num dia - constrói-se todos os dias.

O casal deve conversar um com o outro; fazer decis_es em comum; combinarem as coisas; decidirem em comum o que querem fazer, em todas as áreas.



É aqui onde a mulher pode ser abençoada ou sofrer grandes danos na sua vida.

Quando um casal quiser fazer uma coisa onde não haja acordo, a Bíblia diz que cabe ao marido fazer a decisão final.

E a esposa deve pôr a sua vontade de parte e de livre vontade aceitar a lide-rança do marido apoiando-o na sua decisão e ajudá-lo, sem resmungar.

Se você resmungar isso não tem valor nenhum.

B) A Consequência da Insubmissão

Doenças de senhoras, problemas, etc.

Tudo porque não se querem submeter aos maridos. Não submissão à autoridade que Deus instituiu no casamento, no lar, chama-se rebelião. O pecado de rebelião é igual ao pecado de feitiçaria (I Samuel 15:23).

"Porque a rebelião é como o pecado de feitiçaria, e o porfiar é como iniquidade e idolatria"

Há duas coisas que este versículo nos ensina.

1º) REBELIÃO - é desobedecer a uma autoridade instituída.

Rebelião é como o pecado de feitiçaria.

Sabem o que Deus pensa sobre feitiçaria? É uma abominação.

Deus diz que tira a sua Mão de Proteção das suas vidas. Essa a razão porque muitas senhoras sofrem de muitos problemas de saúde - quando elas não se querem submeter aos maridos.

(Neste caso, a autoridade instituída por Deus é o marido, o líder do casal).

2º) "Porfiar" quer dizer resmungar.

Porfiar é resmungar; é como iniquidade e idolatria.

Deus diz que visita a maldade daqueles que são idólatras.

C) Formas de Insubmissão - há várias maneiras das senhoras atuarem que mostram que elas são insubmissas.

(1) MANIPULAÇÃO

Consiste em tentar obrigar o marido a fazer o que ela quer, usando ficar amuada, zangada, e deixando de falar com o marido (tratamento do silêncio). Algumas senhoras até se usam do sexo para manipular os maridos, para fazerem o que elas querem contra a vontade do marido.



Isaías 58:6-9 - Se tirares de dentro de ti o Jugo ...

Sabe o que é o jugo? É, precisamente, Manipular.

Manipular é quando alguém tenta fazer o que ele quer e não o que o outro quer.

Ninguém tem o direito de obrigar o outro a fazer o que ele não quer. Deus detesta isso. O próprio Deus não faz isso.

Manipulação são obras terríveis. Deus não faz isso.

Deus quer que todos se salvem, mas Ele não vai obrigar ninguém a receber a salvação. Quem não quer, não quer!!

(2) RETALIAÇÃO

Consiste em usar palavras de desconsideração com o marido, quer seja em privado quer seja em público. Retaliar, é um ato não só por palavras mas por gestos e atitudes em que a esposa desconsidera o marido.

Porquê que muita gente sofre de problemas? Porque os pecados deles formam uma parede de separação entre eles e Deus. E é quando nós nos desfazemos dos pecados e partimos aquelas paredes, que a benção de Deus entra pela nossa vida dentro. Chama-se a isso arrependimento.


ARREPENDIMENTO - uma DOU-TRINA que NÃO PASSOU DE MODA!!!

Arrependimento é bíblico, é salutar e traz vida para nós.


5- BENÇÃOS RESULTANTES DA SUBMISSÃO

Quando as senhoras compreendem o que a Palavra de Deus diz em relação à submissão ao marido, mesmo tendo opinião contrária ao marido, elas devem submeter-se a ele, e grandes bençãos vão receber.

Nos pontos em desacordo ela p_e a vontade dela no chão e ajuda-o a fazer o que ele decidiu - ajuda de livre vontade e de cara alegre - p_e de lado as resmunguices. 

Senhoras que assim têm feito nunca experimentaram uma vida tão feliz! Porquê? Filipenses 2:5-9.

"De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus,

Que sendo em forma de Deus, não teve por usurpação ser igual a Deus,

Mas aniquilou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens;

E, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de cruz.




Pelo que, também, Deus o exaltou soberanamente, e lhe deu um nome que é sobre todo o nome"

Você quer subir? Quer ser próspero na sua vida? Sabe qual é o caminho?

Não é pisar os outros; não é impôr a sua vontade. Humilhe-se diante de Deus e diante dos homens e no devido tempo Deus o exaltará. 

Se você vai tentar exaltar-se e impôr a sua vontade, você já perdeu.

Isto funciona no seu emprego, no seu casamento e até ao nível da igreja - entre líderes, assistentes, músicos, pastores, etc.

Um irmão que se queira impôr a fazer o que ele acha - que ele é que devia fazer isto ou aquilo - não está a deixar Deus exaltá-lo. 

Deus NUNCA o há de exaltar. 

Jesus diz que quem quiser ser o maior, seja o menor.

A regra lá fora no mundo é: aquele que quiser subir tem que espezinhar todo o mundo.

Mas, no Reino de Deus é o contrário: "o maior seja o empregado de todos os outros." Foi o que Jesus fez.

Jesus é Deus e será sempre Deus. Ele criou esta terra toda. No entanto, deixou tudo isso e veio para nos servir, e quando Lhe chamaram nomes e o gozaram, cuspiram-lhe na cara e puseram-Lhe a coroa de espinhos, Ele humi-lhou-se, calou-se e foi por isso que Deus, o Pai, O exaltou.


6- PRIORIDADES NO CASAMENTO 

1º DEUS

2º MULHER/MARIDO

3º FILHOS

4º EMPREGO, CASA, etc

1º Mateus 6:33 - "Mas, buscai primeiro o reino de Deus e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas".

O segredo é nós não andarmos atrás das coisas, mas andarmos atrás de Jesus. Se andarmos atrás de Jesus, a Bíblia diz que "Deus faz com que as coisas venham ter connosco". Buscar a Deus em primeiro lugar - é assim que todas as coisas funcionam.

Num casamento o marido deve pôr a Deus em primeiro lugar e a esposa a mesma coisa.

O marido deve pôr a esposa em segundo lugar; não é o seu emprego nem os seus amigos, nem os seus negócios, nem é a televisão, nem é o futebol, nem coisa nenhuma - é a sua esposa; você não se casou com o futebol!!





+s senhoras: vocês não se casaram com os filhos! Vocês devem pôr o marido em segundo lugar.

Há uma tendência das esposas porem os filhos em segundo lugar ... depois sofrem danos ... ficam magoadas ... assim, o casamento não funciona bem.

Deus fez com que esta fosse a prioridade certa.


7- COMO CONSTRUIR UM CASAMENTO? 

Um casamento não acontece; um casamento constrói-se dia a dia. Como é que se vai construir um casamento?

Lucas 6:46-49 - "E porque me chamais: Senhor, Senhor, e não fazeis o que eu digo?

Qualquer que vem a mim e ouve as minhas palavras, e as observa, eu vos mostrarei a quem é semelhante:

É semelhante ao homem que edificou uma casa, e cavou, e abriu bem fundo, e pôs os alicerces sobre rocha; e, vindo a enchente, bateu com ímpeto a corrente naquela casa, e não a pode abalar, porque estava fundada sobre a rocha.

Mas, o que ouve e não pratica é semelhante ao homem que edificou uma casa sobre terra, sem alicerces, na qual bateu com ímpeto a corrente, e logo caiu; e foi grande a ruína daquela casa." 

É ouvir a Palavra de Deus e praticá-la. Aquele que não pratica, Jesus chama a essas pessoas de hipócritas.

Nem todo o que disser Senhor, Se-nhor, entrará no reino dos céus, mas aquele que fizer a minha vontade.

Construir um casamento na Rocha, é Ouvir e Praticar o que Deus diz.

Uma pessoa que não ouve a Palavra de Deus ou uma pessoa que ouve a Palavra e não a faz, é a mesma coisa.

Ela vive à moda dela e constrói a sua vida naquilo que ela acha que os outros dizem. E quando os problemas da vida batem à porta?! O que vai acontecer a essas pessoas? Caem por terra, vai tudo por água abaixo. Porquê? Construíram a sua maneira de viver em princípios falsos.

Os únicos princípios verdadeiros, são os que estão na Bíblia. 

Aqueles que baseiam o seu viver em princípios cristãos em princípios da Bíblia - estão a construir a sua vida na Rocha.Os problemas podem surgir, o diabo pode mandar ventos fortes, mas eles não vão abalar, nem um milímetro, porque estão fundados na Rocha.



Quando se trata de casamento é a mesma coisa.

Você tem duas alternativas:

1º) Construir o casamento baseado na Palavra de Deus - nos princípios que Deus diz - o que Bíblia ensina e ter como resultado:

- ficar firmes

- ter um casamento sólido 

ou então:

2º) Construir o casamento em princípios falsos, em ideias falsas e ter como resultado:

- partir-se todo.

A pessoa sábia, teme a Deus, pratica e faz a Sua Palavra.


A) AMOR ÁGAPE

A chave do sucesso dum casamento, é o Amor Agape.

O Amor do tipo Ágape, é o amor do tipo de Deus, e é o mais elevado tipo de amor. 

O Amor Ágape = não é uma emoção

= não é um sentimento

= não é sexo

= não é uma amizade 

O Amor Ágape consiste numa DECISÃO de considerar alguém como valioso e precioso, independentemente do que essa pessoa fizer.

Todo o nascido de novo já tem este tipo de amor dentro de si, só precisa de o praticar e desenvolver.

O Amor Ágape é o Amor de Deus, e consiste em você considerar o parceiro como valioso e precioso, independentemente do que o seu parceiro lhe fizer. 

Repare em Jesus. O que é que você fez que merecesse a salvação? NADA.

O que é que você dá a Deus? NADA.

As pessoas quando se convertem, o que é que trazem para Deus? Só problemas.

Porquê que Ele nos abençoa? Porque Ele nos ama. Ele não nos trata de acordo com as nossas asneiras.

É assim que devemos olhar para o nosso parceiro. É assim que devemos construir os nossos casamentos.

O marido olha para a esposa como uma coisa valiosa e preciosa.

Marido, você tem que cuidar dela, e vice-versa, a esposa tem de olhar para o marido como uma coisa valiosa e preciosa, independentemente de ele um dia ou outro a magoar ou não.

Deixe isso para trás. 

I Coríntios 13:4-8 - "O amor é muito paciente e bondoso, nunca é invejoso ou ciumento, nunca é presunçoso nem orgulhoso


Nunca é arrogante, nem egoísta, nem tão pouco rude. O amor não exige que se faça o que ele quer. Não é irritadiço, nem melindroso. Não guarda rancor e dificilmente notará o mal que outros lhe fazem.
Nunca está satisfeito com a injustiça, mas se alegra quando a verdade triunfa.

Se você amar alguém, será leal para com ele, custe o que custar. Sempre acreditará nele, sempre esperará o melhor dele, e sempre se manterá em sua defesa.

Todos os dons e poderes especiais que vêm de Deus terminarão um dia, porém,o amor continuará para sempre. Algum dia a profecia, o falar em línguas desconhecidas e a sabedoria especial - os dons desaparecerão."

Eu sei que não se pode chegar lá num dia; eu sei que temos falhas, mas temos que ter essa meta, esse alvo em mente.

B) COMUNHÃO

Um casamento deve ser construído na comunhão de um com o outro.

Devem dedicar tempo um ao outro.

Todos os dias, conversem, compartilhem o que fizeram durante o dia nos vossos empregos.

Compartilhem os vossos sentimentos. Sejam abertos um para o outro, dizendo o que gostam e o que não gostam.

Deem tempo para se conhecerem um ao outro.

Perguntem o que cada um gosta, para fazerem as coisas de mútuo agrado.

NÃO DEIXE QUE O SOL SE PONHA SOBRE A VOSSA IRA

Efésios 4:26 - "Irai-vos, e não pequeis; não se ponha o sol sobre a vossa ira."

Não se deitem sem fazer as pazes. Se uma das partes não quiser perdoar a outra, vai nascer rancor no coração, e o amor vai começar a esfriar, criando um muro de separação.

Para ter um casamento salutar você tem que aprender a perdoar - tem que pôr isto em prática.

"Ah, mas o Pastor não sabe o que ele me fez!", ou "Ah, mas o Pastor não sabe o que ela me fez!"

Não acha que o seu casamento é mais valioso do que o que ela ou ele lhe fez?

Vocês devem perdoar-se um ao outro, custe o que custar. Sejam amigos, ponham em prática o Amor Ágape - o Amor de Deus.
Mateus 18:21-22 - "Então Pedro, aproximando-se dele, disse: Senhor, até quantas vezes pecará meu irmão contra mim, e eu lhe perdoarei? Até sete?

Jesus lhe disse: Não te digo que até sete, mas, até setenta vezes sete." 



Nunca deixe nenhuma raiz de amargura formar-se no seu coração.

Perdoar é uma decisão. Deus vai restaurar essa mágoa.

Decida perdoar, e tudo irá bem consigo.

Não se lembre dos fracassos. Não atire na cara do seu parceiro os seus fracassos.

Ponha uma pedra no passado - PERDOE = NUNCA MAIS FALE NISSO.

Perdoar é esquecer e não tornar a falar nisso.

Em Mateus 18:34 e 35 podemos ver qual o perigo de não perdoar:

"E, indignado, o seu senhor o entregou aos atormentadores, até que pagasse tudo o que devia.

Assim vos fará, também, meu Pai celestial, se do coração não perdoardes, cada um, a seu irmão, as suas ofensas."

QUER SUCESSO NO SEU CASAMENTO? PERDOE.

Aprenda a perdoar. Assim como Deus o perdoou a si, perdoe você o seu parceiro.

Escrito por;


***FRANCIS DE MELLO***

Nenhum comentário:

Postar um comentário