Follow by Email

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

O teólogo Joel Costa Nunes, 33, foi executado com quatro tiros nas costas, durante uma tentativa de assalto, na noite de terça-feira (31), no bairro Mapim,


Presbítero é executado com 4 tiros em tentativa de assalto.


















Homem de 33 anos reagiu quando ladrões tentaram levar sua moto, no bairro Mapin, em Várzea Grande.
O bairro Mapin, em Várzea Grande, registra um dos maiores índices de execuções, neste ano.
O teólogo Joel Costa Nunes, 33, foi executado com quatro tiros nas costas, durante uma tentativa de assalto, na noite de terça-feira (31), no bairro Mapim, em Várzea Grande.
O latrocínio (roubo seguido de morte) ocorre, por volta das 21 horas, quando ele saía de casa, em uma motocicleta, em direção à Igreja Assembléia de Deus, onde é presbítero.
Testemunhas disseram que dois homens, numa outra moto, se aproximaram e tentaram roubar o veículo de Joel, mas ele reagiu. Baleado, ele ainda caminhou cerca de 100 metros ,até cair morto. Os bandidos fugiram sem levar a moto.
Policiais que atenderam a ocorrência informaram que Nunes havia saído de um culto, no bairro Terra Nova, e havia deixado a esposa em sua residência.
Ele tinha a intenção de retornar para a igreja e levar algumas bíblias e, quando ligou sua motocicleta, foi abordado pelos assaltantes.
Segundo policiais da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), com a tentativa de roubo, caracterizou-se o latrocínio.
O delegado João Alencar deverá ouvir testemunhas para confirmar a tentativa de roubo. Com isso, deverá transferir as investigações para a Delegacia de Repressao a Roubos e Furtos de Veículos.
Segundo os policiais, Nunes além de teólogo, ele era formado em história . Ele trabalhava como gerente da Gramarca Veículos (concessionária Chevolet), em Várzea Grande.



Postado por;












***FRANCIS DE MELLO***

Nenhum comentário:

Postar um comentário