Follow by Email

sábado, 3 de março de 2012

Ex-ministro Zé Dirceu afirma que evangélicos querem impor visão “preconceituosa e repressiva” à sociedade




Ex-ministro Zé Dirceu afirma que evangélicos querem impor visão “preconceituosa e repressiva” à sociedade
O ex-ministro chefe da Casa Civil no governo Lula, José Dirceu, publicou texto em seu blog afirmando que os evangélicos pretendem impor à sociedade uma visão “preconceituosa e repressiva”, e “patrulhar todas as políticas públicas com relação às questões do aborto e da homossexualidade”.
Zé Dirceu, como é conhecido, está afastado da política após ter tido seu mandato cassado em 2005, por suas ligações com o esquema do mensalão. Mesmo com os direitos políticos suspensos até 2013, o ex-deputado e ex-ministro é um dos homens mais influentes dentro do Partido dos Trabalhadores ao lado de Gilberto Carvalho, posição conquistada durante a campanha que elegeu Lula como presidente em 2002.
Para ele, é necessário reforçar a posição do ex-ministro Fernando Haddad a favor do kit-gay, que foi barrado devido à pressão dos evangélicos. “Não podemos ficar na defensiva e no recuo frente à violência e à chantagem de certos setores evangélicos que querem interditar o debate sobre esses temas no país”, escreveu, referindo-se ao debate sobre os direitos homossexuais e ao aborto.
As polêmicas declarações de Zé Dirceu vem à tona pouco tempo depois da crise entre o governo e líderes e políticos evangélicos, motivada pelas declarações do ministro Gilberto Carvalho, sobre a necessidade de se estabelecer uma disputa ideológica com os evangélicos.
À época dessas declarações, o jornalista Reinaldo Azevedo, colunista da revista Veja, escreveu artigo afirmando que políticos do PT veem os evangélicos como última barreira para implementação do plano de poder do partido.
-“Mas só quem desconhece a natureza do PT para se constituir como partido único (não de direito, mas de fato) apostaria numa futura convivência pacífica. Atenção! Não pode existir vontade organizada fora do partido. É uma questão de princípio. O PT, hoje, não quer, é evidente, o socialismo à moda antiga. Ele o quer à moda moderna: ser o ente de razão que gere a sociedade em todos os seus domínios. E os evangélicos tendem, no futuro, a atrapalhar esses propósitos”, escreveu o jornalista.
Especialistas políticos afirmam que a recente nomeação de Marcelo Crivella (PRB-RJ) para o Ministério da Pesca foi uma manobra do governo para aproximar-se dos evangélicos. O novo ministro, porém, afirmou que temas aborto e da família são muito sérios para os evangélicos: “Ela [presidente Dilma Rousseff] pode colocar todo o ministério evangélico que, se ela aprovar leis que são contra a família e contra a vida, vai perder o apoio dos evangélicos. Nesse caso, não tem santo que ajude”.
Confira abaixo a íntegra do artigo “O desserviço que o preconceito impõe à democracia”, escrito pelo ex-ministro e deputado cassado José Dirceu (PT-SP):
Temos que destacar e apoiar a posição do pré-candidato à prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, quando denuncia o uso político dado à polêmica sobre o aborto, na eleição de 2010, e, recentemente, ao kit  anti-homofobia, do Ministério da Educação, quando foi ministro da pasta.
Ele está certo quando taxou de “torpe” a forma como essas discussões foram encaminhadas e aproveitadas politicamente. De acordo com Haddad, o uso destes temas incentiva o preconceito e promove a violência.
“Isso não faz bem para o Brasil”, frisou ele. Haddad ressaltou que o kit anti-homofobia surgiu de uma demanda de emenda parlamentar. Ainda assim, devido às críticas da bancada evangélica contra a distribuição do material nas escolas, a iniciativa foi suspensa. Segundo o ex-ministro, no entanto, o kit foi usado em cursos de formação de professores.
Não podemos ficar na defensiva e no recuo frente à violência e à chantagem de certos setores evangélicos que querem interditar o debate sobre esses temas no país e patrulhar todas as políticas públicas com relação às questões do aborto e do homossexualidade. Esses grupos buscam impor ao Estado brasileiro uma visão preconceituosa e repressiva. Os que dão guarida a esse comportamento violento que introduz em nossa sociedade o ovo da serpente do preconceito e do racismo prestam um desserviço à democracia e à convivência social.
Fonte: Gospel!



O ex-ministro José Dirceu, está se esquecendo que esse grupo que ele chama de Chantagistas e impositores do preconceito no Brasil, estão baseados nos primórdios das Santas Escrituras Sagradas, sem contar que eles os políticos são quem editam lies preconceituosas, dando margens para que os beneficiados sejam taxados como tais. No caso da cota para o negro, essa lei é um absurdo dos maiores que já vi em toda  minha vida, tendo em vista de quando um deles usa tal direito é questionado por ter assim utilizado seu direito; como já vi caso de estudantes dizer palavras pesadas a tal vestibulando, do tipo, "aê cara, você só passou no vestibular por ser negro, os negros são mesmo analfabetos, e outro dizeres que não me compete repetir aqui". Meu neto é filho de negro, mas, não quis utilizar do direito da cota, por medo de ser detonado junto aos colegas. O próprio Brasil tem por natureza o preconceito dentro de seu interior. Não me venha falar o Sr° José Dirceu que ele não tem, pois nessas suas palavras já está estampado o preconceito que ele demonstra ter contra os evangélicos.
Bem declarou o especialista político a seguinte ponto de vista: Especialistas políticos afirmam que a recente nomeação de Marcelo Crivella (PRB-RJ) para o Ministério da Pesca foi uma manobra do governo para aproximar-se dos evangélicos. O novo ministro, porém, afirmou que temas aborto e da família são muito sérios para os evangélicos: “Ela [presidente Dilma Rousseff] pode colocar todo o ministério evangélico que, se ela aprovar leis que são contra a família e contra a vida, vai perder o apoio dos evangélicos. Nesse caso, não tem santo que ajude”.
Se temos representantes dentro da política é exatamente para impor o respeito a que merecemos e que nos seja dado. O PT, quer realmente manter um Brasil a nivel do PT, porém nós os evangélicos que um Brasil a nivel de uma democracia, mas, que seja respeitado ois primórdios das Escrituras. Sabemos que o  país é chamado de um país laico, e concordo, contudo, não podem esquecerem-se de que este país existe cristãos que adotam uma fé e são estes cristão que votam. Falando em cristão, são a grande maioria, mas, no caso aqui é taxado apenas os evangélicos, mas, o Sr° José Dirceu certamente não sabe exatamente quantificar esse numero, e esquece tambem que a Igreja católica está contra o que ele chamam de direito da mulher, o aborto. Eles querem tratar um feto abortado como lixo, assim como vem tratando muito dos coitados moradores de rua, atingidos por chuvas e secas, a saúde pública, a educação, em o descaso com os brasileiro! 
Srº José Dirceu, o senhor é um homem forte dentro do PT, tanto que, teve seus direitos políticos cassado por suas ligações com o esquema do mensalão. Mas, o senhor se esquece que seu voto na urna é apena (um), apenas (um), e nada mais. Portanto deixa de preconceito com os evangélicos, ou você não terão nenhuma chace na capital de São Paulo, assim como em muitas outras cidades deste estado, e do Brasil!





Escrito por;












***FRANCIS DE MELLO***

2 comentários:

  1. Preciso expor algo que me passou despercebido!

    Não temos nada, mas, nada mesmo, contra as preferência de quem quer que seja, não é disso que estou tratando aqui.
    Mas, o fato de nós os lideres, ter de fazer casamento de homem com homem , o que é condenado por a Bíblia, seria o mesmo que resgar a Bíblia!
    Veja o que diz a Bíblia: Quando alguém se virar para os adivinhadores e encantadores, para se prostituir com eles, eu porei a minha face contra ele, e o extirparei do meio do seu povo.
    Portanto santificai-vos, e sede santos, pois eu sou o SENHOR vosso Deus.
    E guardai os meus estatutos, e cumpri-os. Eu sou o SENHOR que vos santifica.
    Quando um homem amaldiçoar a seu pai ou a sua mãe, certamente morrerá; amaldiçoou a seu pai ou a sua mãe; o seu sangue será sobre ele.
    Também o homem que adulterar com a mulher de outro, havendo adulterado com a mulher do seu próximo, certamente morrerá o adúltero e a adúltera.
    E o homem que se deitar com a mulher de seu pai descobriu a nudez de seu pai; ambos certamente morrerão; o seu sangue será sobre eles.
    Semelhantemente, quando um homem se deitar com a sua nora, ambos certamente morrerão; fizeram confusão; o seu sangue será sobre eles.
    Quando também um homem se deitar com outro homem, como com mulher, ambos fizeram abominação; certamente morrerão; o seu sangue será sobre eles.
    E, quando um homem tomar uma mulher e a sua mãe, maldade é; a ele e a elas queimarão com fogo, para que não haja maldade no meio de vós.
    Quando também um homem se deitar com um animal, certamente morrerá; e matareis o animal.
    Também a mulher que se chegar a algum animal, para ajuntar-se com ele, aquela mulher matarás bem assim como o animal; certamente morrerão; o seu sangue será sobre eles.
    E, quando um homem tomar a sua irmã, filha de seu pai, ou filha de sua mãe, e vir a nudez dela, e ela a sua, torpeza é; portanto serão extirpados aos olhos dos filhos do seu povo; descobriu a nudez de sua irmã, levará sobre si a sua iniqüidade.
    E, quando um homem se deitar com uma mulher no tempo da sua enfermidade, e descobrir a sua nudez, descobrindo a sua fonte, e ela descobrir a fonte do seu sangue, ambos serão extirpados do meio do seu povo.
    Também a nudez da irmã de tua mãe, ou da irmã de teu pai não descobrirás; porquanto descobriu a sua parenta, sobre si levarão a sua iniqüidade.
    Quando também um homem se deitar com a sua tia descobriu a nudez de seu tio; seu pecado sobre si levarão; sem filhos morrerão.
    E quando um homem tomar a mulher de seu irmão, imundícia é; a nudez de seu irmão descobriu; sem filhos ficarão.
    Guardai, pois, todos os meus estatutos, e todos os meus juízos, e cumpri-os, para que não vos vomite a terra, para a qual eu vos levo para habitar nela.
    E não andeis nos costumes das nações que eu expulso de diante de vós, porque fizeram todas estas coisas; portanto fui enfadado deles.
    E a vós vos tenho dito: Em herança possuireis a sua terra, e eu a darei a vós, para a possuirdes, terra que mana leite e mel. Eu sou o SENHOR vosso Deus, que vos separei dos povos.
    Levítico 20:6-24. E agora, o que me dizem disso?

    ResponderExcluir
  2. Desde o começo, quando os evangélicos, salvos as exceções, decidiram apoiar a então candidata do PT e coligações a Presidência da República Federativa do Brasil, sendo levados a crer que mediante um acordo vazio e sem nexo, dada à vida pregressa dos corruptos do Partido dos Trabalhadores no governo Lula, pude ver a ingenuidade dos cristãos em acreditar que seriam atendidos em suas prerrogativas. Dentre elas, o não-aborto. Está aí, publicamente quem é o PT e a mediocridade exposta debaixo do sol do povo evangélico, principalmente de seus líderes obtusos e interesseiros, que tem os cristãos protestantes como gado tangido. Eles colocam os apoios e estimulam com palavras de efeito e jargões, como por aguilhões das suas estupidezes, os incautos humildes eleitores cristãos. Aí um bom motivo para cobrar os seus Deputados e Senadores que receberam os votos com alegria, porém agora, correm e se escondem como raposas em seus covis. É hora de escrever e-mails e cartas, telefonar e exigir que a Presidente Dilma, que recebeu tantos milhões de votos dos incautos evangélicos, exonere sua Ministra pró-aborto, e se lembre das promessa de campanha. Não acredito que ela volte atrás, pois não é da índole do PT, mas quem sabe...

    ResponderExcluir