Follow by Email

terça-feira, 19 de junho de 2012

"A FAMÍLIA É UMA INSTITUIÇÃO SAGRADA DESDE DE A CRIAÇÃO DO MUNDO"





Como devemos ter uma vivência familiar.






Vivência familiar
Os estudiosos do comportamento humano são praticamente unânimes em afirmar que a qualidade da vida humana depende basicamente da estrutura da família. O projeto de Deus e da Igreja coloca a família como berço da vida, escola dos valores e alicerce natural da sociedade.
É bom saber que toda estrutura da criação é de ordem familiar, desde a formação das galáxias até a estrutura interna do átomo. A própria estrutura dos órgãos e das células do corpo humano é de ordem familiar. Romper esta ordem é adoecer o cosmos, a estrutura da criação, das criaturas e do corpo humano. Então agora pergunto: Se tudo é família, existe e vive numa relação de estrutura familiar, como questionar que a família é fonte e santuário da vida? Ou seja, uma instituição sagrada de Deus?
Não somos apenas seres finitos em nossa estrutura pessoal. Somos seres espirituais. Como seres espirituais somos formados por uma estrutura humano-divina. Somos seres nascidos no tempo, mas em nossa vocação maior, somos feitos para além do tempo, para a eternidade. veja: E ordenou o SENHOR Deus ao homem, dizendo: De toda a árvore do jardim comerás livremente, Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás. Gênesis 2:16-17. Com a palavra "...porque no dia em que comeres, certamente morrerás..." Deus nos informa que fomos criados para eternidade.
O antropólogo Berdiaeff em seus estudos sobre a existência humana constatou que a transcendência é parte inseparável da aspiração do coração humano. Afirma: "No estudo dos povos e das civilizações me deparei com sistemas ateus, jamais com civilizações atéias". Se é esta a constatação da psicologia, da antropologia, da cosmologia, da filosofia e da teologia como não buscar as fontes de uma sólida vivência familiar nos valores do humano e do espiritual? Impossível. Seria negar a lógica das ciências, negar a aspiração do coração humano, como seria negar a própria essência do cristianismo e também da existência de um criador dentro de sua magnitude. 
Para um cristão é impensável buscar esta sólida vivência em família fora dos ensinamentos de Deus. Como é possível ser pleno na relação amorosa entre homem e mulher, pais e filhos longe do que Deus nos ensinou? Dentro da criação e das criaturas, nós humanos somos os únicos seres dotados de uma natureza humana e divina. Somos chamados a viver e a existir segundo nossa vocação maior de "imagens de Deus" Gn 1,26 e 27. Veja; E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; e domine sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre o gado, e sobre toda a terra, e sobre todo o réptil que se move sobre a terra. E criou Deus o homem à sua imagem: à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou. Gênesis 1:26-27.
Existir e viver "como imagens de Deus" não é ter um rosto humano determinado. Deus tem o rosto de todos os povos, de todas as pessoas de toda etinias. Ser e existir como "imagens de Deus" é sermos imitadores de sua vida. É buscarmos viver uma vida de comunhão no amor e na partilha, no espírito de fraternidade e de solidariedade humana e espiritual com todos, não importa a condição social, a cor, a raça, o credo ou religião. Somos filhos e filhas do mesmo Deus Pai, chamados a uma vida feliz, dotados da mesma dignidade e dos mesmos direitos na participação dos bens da criação, como dos bens do progresso das conquistas humanas.
Acima de tudo viver e existir como imagens de Deus é ter a consciência que em virtude dos méritos da redenção de Cristo todos somos chamados a viver no compromisso do amor mútuo, na busca da justiça para todos, particularmente da justiça pra com os mais pequeninos e feridos, formando a grande família humana a caminho da casa do Pai, a eternidade. Conforme descrito em sua palavra. Veja; Então dirá o Rei aos que estiverem à sua direita: Vinde, benditos de meu Pai, possuí por herança o reino que vos está preparado desde a fundação do mundo; Mateus 25:34.
Diante de tudo isso precisamos nos adequarmos nas boas maneiras familiares e nos bons costumes do verdadeiro cristianismo, obedecendo os preceitos da verdadeira vontade de Deus para com a instituição sagrada da família que por ele foi criado dentro destes primórdios!







***FRANCIS DE MELLO***

Um comentário:

  1. "A FAMÍLIA É UMA INSTITUIÇÃO SAGRADA DESDE DE A CRIAÇÃO DO MUNDO"




    Como devemos ter uma vivência familiar.

    ResponderExcluir